Tecnologia do Blogger.

15/07/2015

SLN 2015: O Mediador

Olá, leitores da Academia!

Hoje vamos falar de uma pessoa muito especial para a Academia. Um cara que conheci a pouco mais de um ano e tem se mostrado uma pessoa maravilhosa e super profissional. Um cara que tem nos aconselhado a dar sempre o melhor passo para frente. Ele esta envolvido em muitos de nossos planos para trazer mais eventos literários para Brasília e mais uma vez irá mediar o Semana do Livro Nacional - Brasília. Apresento a vocês o jornalista e autor Marcos Linhares!

Marcos Linhares
Marcos Aurélio Branco Linhares  é um escritor brasileiro que publicou estilos diversos com livros de poemas, crônicas, contos, jornalismo esportivo, jornalismo literário, jornalismo policial, jornalismo cultural. e biografias. Também conhecido pelos artigos de opinião  e resenhas que publica em jornais e portais da internet como o Observatório da Imprensa e Le Monde Diplomatique Brasil. Linhares é jornalista, radialista, agente literário , professor, consultor político e tradutor. É ainda compositor tendo canções gravadas por alguns cantores como Ana Donizeth, tendo como parceiro, normalmente, Remy Portilho. Possui 11 livros publicados, destacando-se "Não existe crime perfeito- Laerte Bessa e os crimes que abalaram a capital do Brasil", que em 2013, foi finalista em língua portuguesa na categoria melhor livro de não-ficção, em Nova Iorque (EUA), do maior prêmio latino e literário realizado nos Estados Unidos da America, o International Latino Book Awards (ILBA- *5). É membro da Associação Nacional de Escritores (ANE) e da União Brasileira de Escritores (UBE). Atualmente, preside o Sindicato dos Escritores do DF (Gestão 2015-2018).     


Biografia

Filho e neto de jornalistas e juristas (o tio-avô José Linhares, foi presidente do Supremo Tribunal Federal e com a deposição de Getúlio Vargas, assumiu, na qualidade de Chefe do Poder Judiciário, a Presidência da República em 30 de outubro de 1945, permanecendo no cargo até 31 de janeiro de 1946) Marcos Linhares sempre esteve ligado a jornalismo, educação e livros.
Aos 15 anos, lançou a primeira obra: um livro independente, feito em mimeógrafo e intitulado, "Não-Infância".Persistiu na área poética lançando outros livros no decorrer dos anos, a saber: "O crepúsculo que cai", "Sinestesia", "Três Estações" e "A imperfeição no caminhar".
Depois, a verve para a prosa já o impeliu a lançar o próximo livro, "A Sedução da Alma", com uma mescla de poemas e crônicas.
Na sequência, o lado jornalístico falou mais alto e a prosa ganhou morada definitiva. Com "Nos bastidores do jornalismo esportivo - A magia da cobertura esportiva mundial" e "Contos de Natal Celebris - O Natal da Solidariedade", Linhares idealizou e organizou textos interessantes sobre cobertura esportiva e contos natalinos.
Esse livro de contos tem dois aspectos interessantes: Primeiro, parte da venda do livro foi doada pela editora (Celebris) para ajudar uma instituição de câncer infantil, a paulista "Casa Hope". Além disso, Linhares inicia parceria com o sócio, Vitor Ferns, o que se repete, no próximo livro, "Uma década de Brincadeiras - Uma desculpa para falar de bonecos".


Nessa obra de jornalismo cultural, Linhares e Ferns, em 20111, por meio de entrevistas, fotos, cartazes e farto material, biografaram os 10 anos do Festival Internacional de Bonecos de Brasília.
Em 2011, surge o "Dossiê Bessa", que depois foi publicado em 2012, pela Thesaurus editora,
com o nome de "Não existe crime perfeito - Laerte Bessa e os crimes que abalaram a capital do Brasil".  Também em 2012, Marcos Linhares lança na Book Expo America (a Feira do Livro de Nova Iorque) a versão em inglês de "Não existe crime perfeito": "Crime in the heart of Brazil".

Depois, em 2013, Marcos Linhares edita uma entrevista inédita que fez com o saudoso escritor brasileiro, João Cabral de Melo Neto. Para compor um livro ainda mais interessante, convidou personalidades brasileiras - Miram Leitão, Heródoto Barbeiro, Cristovam Buarque, Arnaldo Niskier, entre outros- e lusas - como Miguel Sousa Tavares, Prof. José Pacheco e Rui Rasquilho- a escreverem cartas ao inesquecível autor de "Morte e Vida Severina". Dessa junção nasceu "Cartas ao poeta dormindo - João Cabral de Melo Neto". 


Prêmios

Marcos Linhares foi finalista em 2013, com "Não existe crime perfeito", em língua portuguesa na categoria melhor livro de não-ficção, em Nova Iorque (EUA), do maior prêmio latino e literário realizado nos Estados Unidos da America, o International Latino Book Awards (ILBA). Ele recebeu o diploma no Auditório do Instituto Cervantes de Nova Iorque.


Eventos

Marcos Linhares lançou livros em várias edições da Feira do Livro de Brasília. Em 2010, integrou, por um curto período, o comitê gestor da Câmara do Livro do DF.
Em 2012, integrou um grupo de 11 escritores brasileiros, de Brasília (DF), da Thesaurus Editora, que fez história: Foram os primeiros escritores brasileiros a lançarem livros em inglês, em Nova Iorque, na Book Expo America. No evento, juntamente com Adriana Kortlandt e Judivan J. Vieira, concedeu entrevista ao jornal literário Publishers Weekly.
Além disso, para promover a literatura brasileira e apresentá-la à comunidade nova-iorquina, o grupo em parceria com a Thesaurus e  Ong Brazilian Endowment for The Arts (BEA) promoveu o evento "Literatura Brasileira Encontra Nova York", em 6 de junho, às 19h, na 240 East 52nd St., em Manhattan (NY), na Biblioteca Machado de Assis ( a única com acervo exclusivo em Língua Portuguesa de Nova Iorque). No evento,  os escritores lançaram e autografaram livros. Foi oportunidade ímpar de familiarizar o público de língua inglesa com a literatura brasileira por meio de novos títulos e ao mesmo tempo estreitar os laços com a comunidade residente no exterior. Estiveram presentes, o  Cônsul Geral do Brasil em Nova York, Luiz Felipe de Seixas Corrêa, e o fundador, presidente do BEA e diretor da Biblioteca, Prof. Domício Coutinho, entre outros.
Depois retorna a Portugal (estivera em 2011) novamente como integrante de um grupo de escritores do projeto "Viagem às Nascentes da Língua Portuguesa", idealizada pelo editor Victor Alegria. Linhares, com seus colegas, visita várias cidades portuguesas como Lisboa, Porto, Arouca e Guimarães, entre outras, onde participa de eventos, autografa livros e doa obras a bibliotecas lusas. Nesse sentido, foi recebido com os colegas, em Lisboa, pelo então diretor da centenária e tradicional Biblioteca Nacional de Portugal (BNP), Jorge Couto. Os autores falaram sobre o trabalho literário que desenvolvem no Brasil e sobre a importância de trocar informações com Portugal. Cada um dos escritores presentes entregou suas obras, que desde então, constam no catálogo da BNP, que está interligada ao sistema europeu de bibliotecas.
De volta ao Brasil, fez palestra e autografou o livro "Não existe Crime Perfeito", na Feira Pan-Amazônica do Livro, de Belém do Pará.
No inicio de 2013, volta a Nova Iorque, acompanhado de Adriana Kortlandt e Judivan J. Vieira para receberem os diplomas de finalistas do International Latino Book Awards 2013, no Instituto Cervantes. Linhares, Kortlandt e Vieira também foram recebidos no Consulado Geral do Brasil em Nova Iorque, onde entregaram exemplares dos livros finalistas. Além disso, Linhares e Judivan foram recebidos no The New York Times Book Review, por Francis Mateo, e tiveram a oportunidade de entregar os livros finalistas do prêmio.
Linhares novamente palestrou e autografou o livro "Não existe crime perfeito" em outro evento nacional, a Bienal Salto Literário.

No segundo semestre de 2013, Linhares lançou "Cartas ao poeta dormindo - João Cabral de Melo Neto". Já no final de 2013, Linhares fez parte da comissão organizadora da 31a. Feira do Livro de Brasília, colaborando com a curadoria literária e coordenando a comunicação do evento.

Obras:

  • Não-Infância (Poesia, 1985, EDIÇÃO DO AUTOR)
  • O crepúsculo que cai ( Poesia, 1988, EDIÇÃO DO AUTOR)
  • Sinestesia ( 1991, Poesia, EDIÇÃO DO AUTOR)
  • Três Estações (Poesia, 1995, EDIÇÃO DO AUTOR, Gráfica Valci)
  • A imperfeição no caminhar ( Poesia, 1997, EDIÇÃO DO AUTOR, Gráfica Valci)
  • A Sedução da Alma (Poesia e Crônicas, EDIÇÃO DO AUTOR, Gráfica Valci)
  • Nos bastidores do jornalismo esportivo - A magia da cobertura esportiva mundial (Comunicação, Jornalismo, 2006 - Rideel - ISBN: 8589219550)
  • Contos de Natal Celebris - O Natal da Solidariedade ( Contos, 2006 - Celebris- ISBN: 8589219682)
  • Uma década de brincadeiras - Uma Desculpa Para Falar De Bonecos -  Festival Internacional liga quatro continentes a Brasília  ( História, Teatro, Jornalismo Literário, 2011, Thesaurus Editora, ISBN  9788540900158)
  •  Não existe crime perfeito - Laerte Bessa e os crimes que abalaram a capital do Brasil (Jornalismo literário, policial e biografia, 2012, Thesaurus Editora, ISBN  9788540901032)
  • Crime in the heart of Brazil - Laerte Bessa, Brazil´s Sherlock Holmes, and his most shocking cases ( 2012, Thesaurus Editora, ISBN 9788540900912)
  • Cartas ao poeta dormindo - João Cabral de Melo Neto ( 2013, Thesaurus Editora, ISBN 9788540902077

Empolgados?
Anotem na agenda: A Semana do Livro Nacional acontecerá no dia 25 de Julho!
Link do evento: aqui.


Vejo vocês lá ;)
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário!