Tecnologia do Blogger.

27/12/2015

Top 5 leituras Nacionais de 2015


Olá, leitores! O ano está acabando e com ele vem as reflexões do que fizemos ao longo do ano e claro, os preparativos para as festas! Hoje, faremos uma retrospectiva das obras que passaram pelas nossas mãos em 2015. Fizemos muitas resenhas de livros bons e de livros não tão bons assim e neste post, vamos destacar as cinco melhores obras nacionais que a equipe da Academia resenhou aqui no blog. 

Obs: Importante deixar claro que essa é uma opinião pessoal nossa. Não usamos nenhum critério técnico e muito menos estamos desmerecendo as outras obras aqui resenhadas, apenas vamos comentar a respeito daquelas que de alguma forma, chegaram mais fundo em nosso subconsciente.

Esperamos de coração que alguma dessas obras chegue até você, leitor, e que vocês possam sentir as diversas emoções que sentimos ao ler as obras abaixo:



A Lenda de Ruff Ghanor: O Garoto Cabra, obra resenhada por Luciano Vellasco


A Lenda de Ruff Ghanor é aquele tipo de livro que te pega com um ataque de oportunidade (RPGistas) e vira você do avesso. O livro não é só sensacional e maravilhoso. É uma verdadeira aula de como podemos (e devemos) apreciar e dar mais espaço para as obras de fantasia nacional no mercado editorial. Já afirmei várias vezes, e volto a afirmar que Leonel Caldela é um dos maiores autores de fantasia do país e Ruff Ghanor é mais uma prova concreta do que eu digo. Como alguns de vocês devem saber, a obra é uma história retirada de uma sessão de RPG feita em um NerdCast do Jovem Nerd. Se já é complicado para um autor trabalhar com suas próprias ideias, imagina ter de trabalhar com as ideias dos outros. Caldela não só deu forma e vida ao homem por trás da lenda, como entregou uma história instigante, cheia de mistérios, dor, perdas e ensinamentos que podemos facilmente trazer para a vida real. Eu recomendo a obra para todos os fãs de fantasia com todas as minhas forças e preces a São Arnaldo.




A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison, obra resenhada por Luciano Vellasco


A obra de Enéias Tavares foi uma grata surpresa por vários motivos. Primeiro, pela ambientação Steampunk, que eu curto muito. Segundo, pela ousadia em inserir em sua obra personagens da nossa literatura clássica, que quase sempre afastam jovens leitores por uma série de motivos que não vem ao caso. E por fim, pelo autor trazer para si o estilo de vida proposto na obra, tanto em sua maneira de falar com as pessoas, como em suas vestimentas Steampunk. Tive a honra de conhecer melhor o autor e ver suas motivações por trás da obra e afirmo a todos os leitores que estão lendo isso que A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison é um livro que merece ser lido por todos, pois além de proporcionar uma leitura intensa, reflexiva e com muitas reviravoltas, nos permite dar mais uma chance de querer conhecer (ou voltar a ler) as obras dos grandes imortais da nossa literatura clássica que, como já dito, muitas vezes são deixados de lado pelos novos e jovens leitores. 





Filhos do Éden - Paraíso Perdido, obra resenhada por Luciano Vellasco


Eduardo Spohr fecha com chave de ouro a última parte da trilogia iniciada em "Herdeiros de Atlântida", um prelúdio que irá culminar nos eventos de "A Batalha do Apocalipse". Difícil comentar tudo que senti lendo esse livro, pois, foram tantas sensações, tantos aprendizados, tantas alegrias, tantos xingamentos, tantos momentos épicos, que foi complicado se despedir de Denyel, Kaira, Ablon e companhia. Depois de todos esses anos acompanhando suas aventuras, fiquei me perguntando ao ler a última página "e agora?". Poucas vezes tive essa sensação ao terminar um livro e posso dizer com toda a certeza do mundo que essa obra foi a melhor que eu li em 2015. Obrigado Spohr, por todos os ensinamentos, por todas as batalhas, por toda a atenção, carinho e dedicação para com essa obra fabulosa e obrigado por tudo o que elas trouxeram de bom para os leitores.


Obs: nossa resenha ainda não foi publicada, pois ainda não terminei de escrever (pois é, ta difícil falar desse épico da literatura nacional). Na terça-feira (29/12) iremos postar essa resenha e atualizar esse post :)

[ATUALIZADO]: Saiu a resenha \0/ Link: aqui



Primeiras Impressões, obra resenhada por Isadora Teixeira


A obra da Laís é um daqueles livros que te faz ficar vidrado e devorar inúmeras páginas em pouco tempo, acreditem, foi o que aconteceu comigo. A autora teve como inspiração o famosíssimo romance de Jane Austen, "Orgulho e Preconceito", e assumiu uma enorme responsabilidade de adaptá-lo do seu jeito. Uma missão cumprida, em minha opinião. A história de amor vivida entre os personagens principais, que originalmente eram do século XVIII, foi maravilhosamente ajustada à contemporaneidade, preservando ainda a magia dos romances de época. Sem falar nos cenários, que combinaram perfeitamente com a história: o paraíso de Búzios e o inverno estadunidense. Recomendo de coração a obra para todos que amam romances dramáticos e cheios de emoção, e, claro, aos fãs de Jane, pois estes não vão se decepcionar. 





Eu Destruí aquela vida, obra resenhada por Helkem Araújo


Sabe aquele livro que prende sua atenção do começo ao fim? Aquele impossível de largar enquanto você não chega de olhos arregalados à última página? Assim é Eu destruí aquela vida. Um casal de amigos descobriu esse livro não sei bem como, leram, amaram, falaram muito bem, fizeram propaganda mesmo. Esse mesmo casal de amigos me presenteou com esse livro no meu aniversário e quando eu finalmente comecei a ler... só posso dizer que eu ADOREI! É um livro com uma história simples e muito forte. O autor, tão jovem quando escreveu esta história, dá um show de maturidade e consistência de argumento e mostra logo de cara sua veia sádica. Porque, sim, meus caros leitores, essa é uma história muito sádica. O título já deixa uma evidência importantíssima quanto a isso e posso garantir que não haveria outro mais apropriado. Se for possível apontar um único ponto forte (porquê há muitos motivos para elogiar esse livro tão curto) é a perspicácia do autor em mostrar como é tênue a linha que separa a fé ardorosa do fanatismo desvairado e o quanto é frágil a sanidade de um homem.


É isso ai, leitores. Essa é a nossa lista. Gostaram? Conhecem algum dos livros acima? Nós deem sua opinião nos comentários ;)


Postagem n°12: Clique para participar

Comentários
10 Comentários

10 comentários:

  1. Primeiras impressões tem uma capa belíssima... fiquei curiosa tbm com Lição de Anatomia...
    pelo jeito, foram ótimas leituras, né???

    ResponderExcluir
  2. Alguns aí realmente me surpeenderam apesar de não me interessar muito por literatura nacional

    ResponderExcluir
  3. Oiiii, gostei bastante dos livros que escolheu, o primeiro foi o que mais me agradou. Tenho um vício por literatura nacional.
    Se quiser saber algumas obras, só entrar no meu blog.
    Beijooos
    segredosliterarios-oficial.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Já li "Filhos do Éden - Paraíso Perdido". Gosto muito!
    Estou bem interessada no livro "Primeiras Impressões"!

    Beijinhoss...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu, tudo bem? Tenho que fazer minha seleção também e vai ser muito difícil.. Rsrs.
    Enéias (<3). Ainda não li o livro dele, mas já estou apaixonada.. Rsrsrs.
    Gostei muito de Primeiras Impressões, foi um ótimo livro.
    Tenho vontade de ler esse livro do Victor, pois a Hel falou muito bem dele.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  6. Dos livros citados, o único que tenho muita vontade em ler é Primeiras Impressões, tomara que em 2016 eu consiga rs.
    Beijos

    http://myself-here1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá, muito interessante a lista, ainda não li nenhum dos livros, mas fiquei curiosa por vários e A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison é um que quero muito ler.

    ResponderExcluir
  8. Esse ano li poucos livros nacionais, ano que vem pretendo ler bem mais.
    Muito interessantes os livros escolhidos por você, quero ler Filhos do Éden, parece ser muito bom.

    ResponderExcluir
  9. Olá Luciano, tudo bem?
    Não é que temos o gosto parecido mesmo?! :) Esse ano li muito, mas muito pouco livros nacionais, é uma pena. Não que não tenham me chamado a atenção, foram muitos os que desejo ter na minha estante como: A Lenda de Ruff Ghanor (sempre vejo falarem bem da escrita de Leonardo Caldela) e A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison (pois percebi que curto bastante steampunk apesar de ter lido poucas obras do gênero).
    Estou seguindo o seu blog!

    http://umreinomuitodistante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie
    Nacionais é sempre bom conhecer e ter na estante haha não li nenhum desses mas parecem ser mega interessantes, bem legal o post

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!