Tecnologia do Blogger.

09/10/2014

10 Motivos para não pedir livros de graça


10 Motivos para não pedir livros de graça

         Conforme nosso dia-a-dia vemos que vários tipos de leitores se formam. Sejam eles, de casa, outros de rua ou até mesmo de trabalho. Mas atualmente temos um leitor que segundo os sites tem se multiplicado com voracidade pela internet, conhecido como: o leitor pedinte. Sim o leitor pedinte, seja aquele que pede para o amigo e não devolve nunca mais ou aquele que é criador de algum blog e utiliza isso como artificio para que autores enviem-os livros gratuitos. As editoras criaram sistemas e mecanismos organizados para combater, se assim posso dizer, que esse tipo de leitor se agrave ou melhor dizer cresça. As medidas são através de políticas de parcerias, com regras, troca de responsabilidades e principalmente parceria mútua. Então é provável ainda que você que esteja lendo este post até seja um desses leitores, e pode não gostar da lista abaixo, mas nós da Academia achamos muito interessante essa matéria e gostaríamos de listar 10 motivos para não pedir livros de graça:



1 - Não há como atender todo mundo: No começo da blogosfera literária não havia muitos blogs (de qualidade continuam poucos) e assim alguns passaram a receber cortesias de editoras para resenhas e sorteios. Vendo nisso uma oportunidade de ganhar livro de graça, obviamente centenas de blogs foram criados, e hoje, lamento dizer, é impossível autores e editoras atenderem toda a demanda de leitores que pedem livros de graça. Em algumas editoras grandes, por exemplo, a cada renovação de parceria, as inscrições passam do milhar.

2 - É chato: Talvez alguém possa achar que não, mas é um tanto chato a todo momento ter alguém pedindo livros de graça. E isso piora com autores iniciantes e ou de pequenas tiragens, um público, que aliás, com a organização das parcerias por parte das editoras, acabam atraindo o assedio dos leitores pedintes. O blogueiro do lista literária relata que já passou por essa situação, leitores pedindo meia dúzia de livros, outros se inscrevendo para parcerias e sumindo do mapa... A coisa não tá fácil. 

3 - Se você for relevante os livros irão até você: Há blogs que não solicitam livros, mas que mesmo assim ainda recebem cortesias de editoras e autoresAcontece que se o seu blog for relevante, os livros chegarão naturalmente a você, mas nem por isso terás de deixar de comprar.

4 - Escritor não é filantropo: É amigos, a profissão de escritor não é filantropia. é dali que muitas vezes ele sustenta a família, paga as contas, ou toma aquela "breja". Mas isso não vem ao caso, o fato é que os escritores não podem ter a leitura de sua obra condicionada a cedência grátis de seu trabalho...

5 - Ninguém trabalha de graça: Tem haver ainda com o item anterior, mas o fato é que duvido que o leitor pedinte exerça seu trabalho e ao final do mês distribua todo seu salário, ou devolva ao chefe.

6 - Dá para baixar: Hoje em dia praticamente tudo está disponível para baixar, legal ou ilegalmente, na internet, por isso baixe o livro, isso vai ter o mesmo resultado, ou seja você lerá o livro, e ainda economizará o tempo e a tranquilidade dos autores, que não ficarão numa sinuca de bico em como responder sua solicitação. Obs: somos terminantemente contra a pirataria de livros, mas essa é uma realidade recorrente no mundo da tecnologia. 

7 - Há custos para se produzir um livro: Independente se um livro de autor famoso, ou de um que publique sob demanda, todo exemplar possui um custo para ser feito, e autores e editoras como dito anteriormente possuem sempre estoque limitado para distribuição.

8 - É possível convencer o autor: Muitas vezes acontece de que uma grande quantidade de leitores acabe convencendo o escritor a ceder livros de graça, só que depois desse entusiasmo, é possível também que o conjunto destas solicitações acabe deixando como herança um bom prejuízo. 

9 - Editoras e escritores estão se ligando: Mas o exponencial aumento dos leitores pedintes tem deixado editoras e autores antenados, aliás, em muitos casos nem tem pegado bem a imagem deste tipo de leitor que envia dezenas de e-mails até encontrar alguém que lhe dê um livro de graça.

10 - O leitor pedinte não solicita livros ao George R. R. Martin: Isso é também algo que de certa forma me irrita. Já vi muito leitor pedinte que não tem problema algum em comprar livros famosos e na mídia, e em nenhum momento o pedem de graça, mas quando se trata de escritores brasileiros há alguns que pior ainda, pensam que o autor de obrigação de distribuir livros de graça.  



Muito bacana as dicas né!? Então meu caro leitor vamos valorizar o escritor e o tipo de leitor que você é. Compartilhe ideias, valorize aquele autor e principalmente divulgue, faça resenhas e mostre que você está aqui como digno Leitor para todos!




Obs: Deixamos bem claro a todos os nossos parceiros e futuros parceiros que a Academia Literária não exige a entrega de livros para fechar uma parceria. Para mais informações, mande um e-mail para: academialiterariadf@gmail.com



Fonte: Listas literárias 
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Realmente deve ser constrangedor para um autor, ter que lidar com esse tipo de gente sem escrúpulos. Mas há bons leitores que valorizam o autor, comprando seu livro e remunerando o seu esforçado trabalho.

    Ah, muito obrigada pela visita no Blog Livros e Nerdices.
    Até mais!

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo Carol, palavra certa constrangimento para o autor. Também penso assim. Felizmente há bons leitores e bons blogueiros e amantes de livros como nós.
    De nada e nós que agradecemos a sua visita ao blog. o/

    Beijos

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!