Tecnologia do Blogger.

20/03/2015

Livros físicos vs. E-books




               Quando os primeiros e-reders foram desenvolvidos e lançados; quando os primeiros e-books foram disponibilizados; quando tablets e smarthphones tornaram-se febre e apresentaram um novo jeito de ler livros, houve quem dissesse que os livros físicos, aqueles de papel que lotavam estantes e bibliotecas, estariam com seus dias contados.
                O tempo foi passando e ambas as maneiras de ler livros continuam aí firmes e fortes. Hoje, há quem prefira os e-books pelas suas inúmeras facilidades. E há também quem não abra mão de um bom livro de papel para folhear, admirar, cheirar e ler. E ainda há a já consagrada rixa: qual seria o melhor? Um estudo diz que, antes de dormir, o melhor mesmo seria ler livros físicos. Quanto a outros aspectos e critérios, a decisão fica mesmo a cargo do leitor.
                Pois bem, outro dia em um evento da Editora Intrínseca aqui em Brasília (postaremos nossas considerações em breve), um vídeo muito simpático e criativo chamou nossa atenção. O tema? Livros físicos vs. E-books. Uma fuçadinha no Youtube e descobrimos que o vídeo é antigo já, de dezembro de 2012, mas o tema continua tão atual como antes.
                 Longe de ser uma disputa acirrada entre os formatos, esse vídeo mostra as vantagens de ambos e que eles podem sim conviver. Quer conferir? Então dá o play!





E você, prefere livros de papel ou e-books? Ou os dois? Nós da Academia achamos que o que vale é desfrutar de uma boa história, qualquer que seja o formato. Inclusive já falamos sobre os diferentes tipos de livros digitais.  Então, qualquer que seja sua escolha, boa leitura!
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário!