Tecnologia do Blogger.

23/09/2016

CONSIDERAÇÕES: Leya na Estrada (Brasília)

Editora Leya



A Editora LeYa orgulhosamente convida a todos vocês, valentes desbravadores e desbravadoras, a calçarem suas botas de caminhada, encherem as mochilas com poções de cura, mana e estamina, afiarem o gume da espada montante +2 vorpal obra prima (sim, isso é bem nerd) e atualizem a lista de mp3 para embarcarem conosco nessa audaciosa viagem através dos mais variados mundos da literatura fantástica! Esse é o LeYa na Estrada! Nosso curador, mestre de cerimônias e bigodes, Affonso Solano (conhecido humildemente como Rei dos Escritores), viajará por 10 capitais do país encontrando corajosos LeYtores e LeYtoras para uma conversa sobre os principais livros de fantasia/geek que a LeYa trará em 2016! Esperamos vocês, padawans, para compartilharmos toda essa XP. Se o inverno está chegando, não sabemos... Mas a hora da aventura está!

Assim era o convite/descrição no site da turnê que a Editora LeYa está realizando por 10 capitais brasileiras desde abril. E ontem, 22 de setembro, Brasília foi a sétima cidade visitada pelo LeYa Na Estrada. o/
O evento, que ocorreu no auditório da Livraria Cultura do Shopping Iguatemi às 19:00h, foi apresentado por Rômulo Medina, analista de marketing da editora, e também pelo escritor e curador Affonso Solano.

Rômulo Medina
Rômulo Medina e Affonso Solano


O formato do evento não é uma novidade, já que a editoras como Intrínseca (Turnê da Intrínseca), Record (Mochilão da Record) e Rocco (Fanáticos Rocco) já promovem ações do tipo a algum tempo. A novidade foi a Leya ter incluído Brasília no circuito desse ano! Posso dizer pela equipe da Academia Literária e pelos leitores de Brasília, que louvamos esta iniciativa.
Segundo palavras dos mediadores, o Leya Na Estrada desse ano se pautou em uma decisão da equipe editorial de fazer de 2016 o ano da Fantasia na Leya. Isso mesmo, galera! E editora que trouxe “As crônicas de gelo e fogo” para o Brasil está apostando forte na Fantasia esse ano! E nós amamos isso! Desse modo, Rômulo e Affonso apresentaram os lançamentos de 2016 no gênero, tanto os que já estão nas prateleiras quanto os que virão nos próximos meses. São eles:

  • Jornada nas Estrelas: O guia da saga (Salvador Nogueira e Susana Alexandria);
  • Alien: Surgida das Sombras (Tim Lebbon) – a trilogia canônica da série Alien;
  • O trono do sol. Vol.III: A magia da aurora (S. L. Farrell) – trilogia “O Ciclo Nessântico;
  • Wicked (Gregory Maguire) – a história da Bruxa do Oste de O mágico de Oz;
  • A torre (Daniel O’Malley) – inaugurou o ano da fantasia na Leya, lançado em janeiro;
  • O código perdido; e A costa negra (Kevin Emerson) – trilogia “Os atlantes”;
  • World of Warcraft: Crônicas – serão lançados os volumes I e II;
  • Ship of Magic (Robin Hobb) – livro 1 da série “Liveship Traders”, ainda sem tradução definida;
  • Superman: Uma biografia não autorizada (Glen Weldon)
  • Dungeons & Dragons: o império da imaginação (Michael Witwer) – livro que conta a história do criador do famoso sistema de RPG;
  • A canção de sangue (Anthony Ryan) – livro 1 da trilogia “A sombra do corvo”;
  • O enigma de Blackthorn (Kevin Sands);
  • Zangado: o que é ser um gamer e como me tornei um (Zangado) – livro do youtuber;
  • Clube da luta 2 (Chuck Palahniuk) – HQ que conta a continuação da história do protagonista do primeiro livro / filme;
  • Clube da luta (Chuck Palahniuk) – edição especial de colecionador;
  • Assombro (Chuck Palahniuk) – livro de contos;
  • Mistborn, Vol.III: O héroi das eras (Brandon Sanderson);
  • O cavaleiro dos sete reinos (George R.R. Martin) – edição ilustrada e capa dura;
  • As terras de gelo e fogo (George R.R. Martin) – box com todos os mapas de Westeros;
  • Game of Thrones: por dentro da série da HBO – 3º e 4º temporadas;
  • Dangerous Women (George R.R. Martin e outros) – livro de contos com protagonistas femininas;
  • Série Wild Cards – sete livros baseados na aventura de RPG  que George R.R. Martin jogava com seus amigos;

Alguns dos lançamentos do ano


Foram muitos livros e os mediadores falaram brevemente de cada um deles, compartilhando a sinopse e algumas curiosidades. Aproveitando o gancho que determinadas obras suscitavam e também as perguntas do público – que teve a liberdade de se expressar a qualquer momento e não somente ao final –, Rômulo e Affonso ainda falaram de diversos assuntos tais como a adesão ao e-book e sua viabilidade financeira no Brasil; livros com capas de filmes; edições econômicas; tradução de nomes de cidades e de personagens; e livros de youtubers. A interação entre o público e os mediadores foi fantástica!
Vale destacar a explanação feita sobre os conceitos de Low Fantasy e High Fantasy. A categoria High Fantasy (alta fantasia)  abrange as obras que criam um mundo totalmente novo, com geografia, seres e regras próprias, como no caso de “O senhor dos anéis”. E a categoria Low Fantasy (baixa fantasia) engloba as obras que insere os elementos fantásticos no nosso mundo, nosso cotidiano conhecido, seja no presente ou no passado, como no caso de “Harry Potter”.
Também merece destaque o anúncio da parceria entre a Leya e o site Omelete, parceria essa que visa trazer obras para o público nerd/geek por um selo próprio. Ainda fomos agraciados com a exposição do making off da concepção das capas de algumas obras apresentadas, inclusive do “O espadachim de carvão – Vol.II: As pontes de Puzur” do próprio Affonso Solano, desde o briefing (ideia original) até o resultado final. Uma coisa linda de se ver!
Por fim, não podemos deixar de comentar sobre os brindes. Logo na entrada, o público recebeu uma sacola contendo um mapa de Westeros em tecido, uma bússola (AMEI!!!!), uma caderneta e uma caneta. Após se apresentarem, os mediadores anunciaram que abaixo de algumas cadeiras, 10 no total, estavam presos uns cartõezinhos que dariam a quem os encontrasse o direito de receber o livro “A canção do sangue – Vol.I”. No final, três sortudos que souberam as respostas para três perguntas,  receberam uma sacola contendo dois livros.

Leya na Estrada 2016
Brindes que todos receberam na entrada do evento


E assim, duas horas e meia após começar, o evento se encerrou. Rômulo Medina e Affonso Solano ainda ficaram no auditório para atender aos leitores que quisessem falar com eles pessoalmente.
Só posso dizer que fiquei muito feliz com a vinda da Leya para Brasília e que torcemos para que todas as editoras que tenham qualquer projeto de aproximação com seu público leitor, siga o exemplo e também inclua os habitantes do quadradinho em seus circuitos.

Como nem tudo são flores, faz-se necessário comentar uma pequena discrepância: pelo que outros blogueiros/leitores já postaram nessa internet afora, assim como já aconteceu com outras editoras em outros eventos, mais uma vez Brasília teve um kit de brindes mais singelo. Enquanto em Brasília o livro "A canção do sangue – Vol.I" foi presenteado para apenas 10 pessoas que encontraram os cartõezinhos embaixo de suas carteiras, em outras cidades, como Rio de Janeiro, São Paulo, todas as pessoas receberam o livro incluído em seu kit. Gostaríamos humildemente de sugerir para TODOS os que promovem eventos do tipo em escala nacional que padronizem o kit de brindes. Se, independentemente da cidade, todos receberem kits iguais, ainda que sejam mais singelos, ninguém se sentirá desfavorecido e todos ficarão igualmente satisfeitos. É uma pequena sugestão nossa.

Então é isso. Esperamos que todos os que foram ao evento tenham se divertido como eu me diverti, e que a Leya volte mais vezes para nos contar suas novidades.

Até o próximo evento, galera! 

PS: Desculpem a escassez de fotos. Problemas técnicos com a câmera. E fotos de celular, já viram.....


Top comentarista nº13: Clique para participar


Comentários
5 Comentários

5 comentários:

  1. Nossa, que evento maravilhoso!
    Quanta coisa boa foi abordada.
    Que bom que você gostou :)
    Espero que o pessoal que tenha ido tenha aproveitado bastante também..
    Adorei os lançamentos mencionados.
    Uma pena Joinville não ser a capital de SC kkkk
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  2. Oi Helkem!

    Gostei muito da forma como você falou do evento. Me levou para lá junto com você. Fiquei meio desanimada pela distância, mas pelos debates acho que vale a pena ir se vierem a Brasília de novo. Quanto aos kits diferentes, realmente fica meio chato porque em tempos de internet e blogueiros é óbvio que todos vão ter conhecimento dos kits de cada estado, vamos torcer para que haja igualdade nas próximas vezes!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi Helkem,
    Que bom que você se divertiu no evento, como morro longe da capital do meu estado ai fica difícil comparecer a eventos desse porte, mas quem sabe um dia consigo ir hahaha
    Tenho vários livros da Leya na lista de desejados, amo fantasia, e tem livros para todos os gostos.
    Que chato essa parte dos brindes, deveriam distribuir o kit como nas demais capitais.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Pense que eu nem precisei de mais fotos para mergulhar nas imensidão de coisas boas que devem ter acontecido nesse evento! Só de ver a capinha linda do livro Wicked (ai meu Deus) fiquei com minha alma aos pulos! Deve ter sido maravilhosamente gostoso participar desse momento! E que programação maravilhosa!

    ResponderExcluir
  5. Oi,
    Eu gosto das edições da Leya, e parece que o evento é maravilhoso, pena que ela não fez nenhum evento na minha cidade que eu pudesse participar.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!